Recursos

Acesso e oportunidades para todos: como as bibliotecas contribuem para a Agenda 2030

Este documento inclui referência a relatos de muitas bibliotecas, em todo o mundo, que através de diversos projetos e iniciativas ajudam à implementação dos ODS. A IFLA agradece a todos os seus membros e parceiros que partilharam as suas histórias de sucesso, e convida todos os profissionais a seguirem estes exemplos, continuando a partilhar os seus casos de sucesso.

As bibliotecas podem promover a implementação da Agenda 2030

A IFLA preparou um documento com exemplos e recomendações destinado aos decisores, demonstrando como as bibliotecas contribuem para a implementação dos ODS. Foi também elaborado um folheto com informação mais resumida.

As bibliotecas e a implementação da Agenda 2030 da ONU: conjunto de ferramentas

As bibliotecas dão um importante contributo para o desenvolvimento. O propósito deste conjunto de ferramentas é apoiar o trabalho de advocacy para a inclusão das bibliotecas e do acesso à informação como parte dos planos de desenvolvimento nacionais e regionais que contribuirão para cumprir Transformar o nosso mundo: a Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável (Agenda 2030 da ONU).

Development and Access to Information (DA2I) 

É o primeiro de uma série de relatórios que pretendem monitorizar os avanços que os países estão a fazer para cumprirem o seu compromisso de promover um acesso efetivo à informação tal como previsto pelos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas.

Alinhamento e Evidências do Contributo para o Desenvolvimento Sustentável
Guia para Bibliotecas

A Estratégia de Alinhamento para a Sustentabilidade (EAS) resulta da colaboração entre a Associação Portuguesa de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas (BAD) e uma equipa de investigadoras do CHAM – Centro de Humanidades, uma unidade de investigação interuniversitária vinculada à Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade NOVA de Lisboa e à Universidade dos Açores.
O âmbito desta colaboração envolve o desenvolvimento de estratégias de alinhamento para os serviços de informação, com o foco primordial nas bibliotecas.

OUTROS RECURSOS DA IFLA

Declaração de Lyon sobre o Acesso à Informação e Desenvolvimento

A Declaração de Lyon é um documento de advocacy que será utilizado para influenciar de forma positiva as Nações Unidas no âmbito da Agenda do Desenvolvimento Sustentável. O texto foi produzido pela IFLA em conjunto com vários parceiros estratégicos entre janeiro e maio de 2014.

Library Map of the World

IFLA Library Map of the World é um recurso estatístico e uma ferramenta de compilação de dados quantitativos sobre bibliotecas de diversos países em todo o mundo. Como ferramenta de advocacy é também uma plataforma de acesso a testemunhos sobre o trabalho das bibliotecas em diferentes países sobre o seu contributo para a Agenda 2030 das Nações Unidas e para o cumprimento dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável.

Libraries and the Sustainable Development Goals: a storytelling manual

Este manual pretende ajudar bibliotecários e outros apoiantes nas atividades de advocacy a favor das bibliotecas. Neste manual estão reunidas algumas dicas, sugestões e informação útil sobre como escrever testemunhos efetivos sobre as atividade, projetos e serviços promovidos por bibliotecas e o seu impacto na comunidade.

Bibliotecas e Desenvolvimento

As bibliotecas são instituições chave para a implmentação dos ODS. Ao longo dos últimos anos, a IFLA tem estado muito envolvida no desenvolvimento de uma estratégia com vista à inserção do acesso à informação, da salvaguarda do património cultural, da literacia e das tecnologias de informação e comunicação.
A Agenda 2030, considera o acesso à informação como uma das prioridades relacionadas com o ODS 16: Paz, justiça e instituições eficazes, tendo definido como meta (16.10): “Assegurar o acesso público à informação e proteger as liberdades fundamentais, em conformidade com a legislação nacional e os acordos internacionais”.

Publicações da IFLA sobre Bibliotecas e a Agenda 2030

Conjunto de publicações produzidas ou traduzidas pela IFLA sobre a Agenda 2030, o Desenvolvimento Sustentável e o contributo das bibliotecas. Estão disponíveis documentos em diferentes formatos, edições e em diferentes línguas.

International Advocacy Programme (IAP)

The International Advocacy Programme (IAP) é um programa de formação promovido pela IFLA e lançado em 2006 com o objetivo de capacitar e apoiar o trabalho das bibliotecas e dos seus profissionais nas ações de advocacy relacionadas com a Agenda 2030 das Nações Unidas.

INSTITUTO NACIONAL DE ESTATÍSTICA

Dossier Temático Agenda 2030

A resolução A/RES/70/1 Transformar o nosso mundo: Agenda 2030 de Desenvolvimento Sustentável foi aprovada na Cimeira das Nações Unidas (NU) sobre Desenvolvimento Sustentável realizada em Nova Iorque, em 26-27 de setembro de 2015. Para monitorizar o progresso dos ODS, a 47ª sessão da Comissão de Estatística das NU (UNSC) acordou, em 2016, um conjunto de 241 indicadores, aos quais a 48ª UNSC fez alguns ajustamentos, em março de 2017. Neste dossier temático (em desenvolvimento) é divulgada a informação já disponível para alguns desses indicadores, podendo alguns ser provisórios e proxies.

Guia sobre Desenvolvimento Sustentável – 17 objetivos para transformar o nosso mundo

A 1 de janeiro de 2016 entrou em vigor a resolução da Organização das Nações Unidas (ONU) intitulada “Transformar o nosso mundo: Agenda 2030 de Desenvolvimento Sustentável”, constituída por 17 objetivos, desdobrados em 169 metas.
Os 17 ODS, aprovados por unanimidade por 193 Estados-membros da ONU, reunidos em Assembleia-Geral, visam resolver as necessidades das pessoas, tanto nos países desenvolvidos como nos países em desenvolvimento, enfatizando que ninguém deve ser deixado para trás.

Objetivos de Desenvolvimento Sustentável: Indicadores para Portugal

O INE apresenta os indicadores disponíveis para Portugal, decorrentes do quadro global de indicadores adotados pelas Nações Unidas para acompanhar os progressos realizados no âmbito dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Agenda 2030.

ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS

Transformando Nosso Mundo: A Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável

Esta Agenda é um plano de ação para as pessoas, para o planeta e para a prosperidade, que procura fortalecer a paz universal com mais liberdade. Reconhecemos que a erradicação da pobreza em todas as suas formas e dimensões, incluindo a pobreza extrema, é o maior desafio global e um requisito indispensável para o desenvolvimento sustentável.

“Viva os objetivos” – o jogo infantil para um planeta mais sustentável

Para realizar a Agenda 2030 será necessário mais do que governos e organizações internacionais. Os cidadãos também desempenham um papel fundamental, especialmente as crianças que, em 2030, serão os novos líderes, influenciadores e políticos. Reconhecendo a importância das crianças na realização dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, o Centro Regional de Informação das Nações Unidas lança agora o jogo “Viva os Objetivos”, um jogo disponível online que procura ajudar os mais pequenos a familiarizar-se com esta agenda transformadora para o nosso planeta.
As perguntas que constituem o jogo referem-se aos 17 ODS’s, sugerindo ações que os podem apoiar, realçando a importância da colaboração com outros países sociedades e alterando para a importância destes objetivos para o futuro do planeta terra. O objetivo é que as crianças não só se familiarizem com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável mas também que desenvolvam as suas competências de comunicação e entendimento.

Plataforma para o Desenvolvimento Sustentável